olá.

bem vindos ao urbanista, um magazine de estilo que assume opiniões sobre temas da vida urbana.

Sex and the City. Still...

Sex and the City. Still...

São 10 gifs que a Vogue reuniu para celebrar os 18 anos da criação da série Sexo e a Cidade que explicam mais do que aquilo que parece. Afinal, a vida de Carrie e suas amigas não era apenas sobre sexo, glamour e cosmopolitans. Era mais do que isso, nas entrelinhas. Não era apenas sobre marcas, a sua exposição e a cidade. Era sobre amor e desamor, casamento e filhos, eu e o outro, a amizade e os laços que o tempo não destrói. Era sobre a vida e tornarmo-nos adultos, com ou sem sapatos. Porque os sapatos eram apenas uma metáfora para percebermos como será colocarmo-nos no lugar do outro. Como cantavam os Depeche Mode, try walking in my shoes... 

Era sobretudo sobre os prazeres simples da vida, depois de expurgar todos os elementos que só aparentemente são importantes, aos quais damos demasiado valor quando, na verdade, valem muito pouco. Era sobre a nossa identidade e aquela que poderemos alcançar. Era sobre um estilo de vida impossível e um guarda roupa que não cabe numa casa. Era sobre sonhos - os delas que também podem ser os nossos - mesmo que nunca nos tenham ensinado alcançá-los. Era uma série de sonho, para fazer sonhar e nos deixar nostálgicas, com saudades dos vinte e qualquer coisa de quando estreou em Portugal...

It isn't just about sex, glamour and daily cosmopolitans. Sex and the City gave us much more than that. It wasn't just about brands, placement and the city. It was about love and disappointment, marriage and kids, about us and them, about friendship and bonding. It was about life and growing up, with or without shoes. After all, it was about walking in someone else's shoes and the simple things in life that come after everything we care, which actually don't matter at all. It was about who we are and what we might become. It was about an impossible lifestyle and an enormous wardrobe. It was about dreams, even if they never taught us how to reach them. It was Sex and the City and it turns 18 years old. It doesn't make me feel old. It makes me nostalgic about those 20 something good old days...

Não é tolerância, é respeito.

Não é tolerância, é respeito.

Somos 103. E sou a 3ª na minha categoria ツ