olá.

bem vindos ao urbanista, um magazine de estilo que assume opiniões sobre temas da vida.

(ao) espelho

Invariavelmente, o que vemos ao espelho é o nosso reflexo e não tanto a imagem que projectamos nos outros. Essa, depende de inúmeros aspectos que não controlamos e que resultam, em grande medida, da roupa, do que vestimos, do estilo predominante. Os gestos e modos, as palavras e as frases que usamos, o que ouvimos e cantarolamos também nos determinam perante os outros.

Quem me conhece sabe que novelas e afins só por mero acaso, a ponto da televisão passar dias desligada. Perco-me na música, nos livros, na web, a ouvir rádio... E foi na rádio que ouvi uma música que pouco tem a ver comigo mas que me ficou no ouvido. Daquelas que nos ficam e que acordamos a trautear sem saber a letra ou o ritmo, menos ainda o artista. Chama-se Diogo Piçarra. Não sei se está na moda. Se não está, devia. Canta bem. E, porque não vejo televisão, não fui alvo do preconceito que, entretanto me apercebi existir, por ser "made in Idolos". So what? O programa não existe para descobrir talentos? Mal é quando são fabricados. E não me parece que seja o caso, pois para além daquela-de-que-todos-já-devem-saber-que-estou-a-falar porque está numa das novelas da noite, o disco tem outras tão boas ou melhores. Não é pior do que muitos artistas estrangeiros que idolatramos e cujas canções ouvimos de mão dada ao fim da tarde, na praia, ou enrolados num carro de vidros embaciados, bocas unidas numa só com a música a embalar os beijos que teimam em não acabar...

Logo à noite vou comprovar se, ao vivo, o Sopro é Verdadeiro para nos oferecer um concerto Perfeito. Será este "alguém que (me) conquiste sem"?... 

Para já, conquistou-me a sua simplicidade, amabilidade e simpatia. A calma e a paciência para conversar. O tempo roubado ao ensaio para descobrirmos que, afinal, até temos o sushi, a moda e a música em comum. Alguém a quem a vida sorriu quando decidiu dedicar-se ao que o apaixona. Esse, é o maior ensinamento que daqui podemos retirar: quando estamos apaixonados, tudo o que fazemos, fazemos bem. Entre bateria, piano e guitarra desafiei-o a responder às hashtags do urbanista. O resultado não poderia ter sido melhor...

#Espelho #DiogoPicarra #music

Era uma vez o amor: tales of love at first sight

Era uma vez o amor: tales of love at first sight

dance. dance. dance.