olá.

bem vindos ao urbanista, um magazine de estilo que assume opiniões sobre temas da vida.

Homens: quadrados e azuis.

Homens: quadrados e azuis.

On the Road With Fashionable Father John Misty:  Father John Has Button-Up Dysmorphia. On the road with the musician who'd like to see the world in pajamas. Photographs by Erik Madigan

Não estou a dizer que gosto assim. Não estou a afirmar que quero assim. Mas, na verdade, a maior parte dos homens, especialmente os heterossexuais e que fazem questão de mostrar que o são, ou que não têm, sequer, qualquer reminiscência de outra coisa qualquer (if you know what I mean...) são muito boring no que respeita à roupa. E quanto mais conservadores, quanto menos arejados ou arrojados, mais boring me parecem. Chatos. Mesmo, e em bom português.

A moda, as tendências, as cores, cortes e tecidos são de extrema riqueza e variedade para as mulheres. Para eles, a diversidade é menor e o problema começa no berço. As secções de roupa nas lojas para meninos e meninas têm dimensões diferentes porque há mais opções para elas. Quando crescem, o estilo, no caso deles, varia entre o formal, o descontraído, casual chic ou o desportivo. E pouco mais. Misturar formalidade com apontamentos de um look desportivo já acontece. Excepcionalmente. Nós fazêmo-lo mais vezes e parece sempre bem. No caso deles, às vezes corre mal. Muito mal. 

Não quero aqui dizer que os homens devam arriscar e mudar tudo de uma vez, ou seguir tendências se não se identificarem com cada uma delas. É válido para os dois lados. A moda, dizia Oscar Wilde "is what one wears oneself" porque o que está fora de moda é o que as outras pessoas usam, numa defesa do eu, em relação ao outro. Saint Laurent ou Chanel não tinham dúvidas sobre o estilo em detrimento da moda que rapidamente, passa de moda. Se tivermos estilo, estaremos sempre na moda. Mesmo que não tenhamos as últimas tendências em sobreposição.

Street Style. Em caqui. E azul. Com jeans e blazers. Blusões de cabedal e pequenos detalhes que fazem toda a diferença.

Para os homens, calças caqui, camisa branca e blazer azul estão sempre bem e servem para (quase) tudo. Uma t-shirt preta, um blusão de cabedal e uns jeans, também. Só isso? Eu sei que muitos deles querem mais mas, ou não conseguem, ou não admitem lidar com os olhares críticos quando circulam entre os seus pares, mesmo que várias mulheres tenham lançado olhares lânguidos à hora de almoço, virado a cabeça no metro ou fitado intencionalmente no parque de estacionamento. Se isso vos acontece quando estão fora da vossa zona de conforto do modelo testado e aprovado, estão no caminho certo. Transformem esse aparente desconforto no vosso conforto e ignorem os outros gajos. Como nós temos de ignorar muitas gajas. ♡

#fashion #streetstyle #guys

Demora. Mas aprendemos

Escandalosamente escandaloso. O amor.