olá.

bem vindos ao urbanista, um magazine de estilo que assume opiniões sobre temas da vida.

"O problema não és tu..."

"O problema não és tu..."

... e, desta vez, também não sou eu.

Esta noite, última hipótese para ver os Buraka que sempre conhecemos ao vivo. Estou certa de que será um concerto para partir a loiça toda, de um projecto que mudou a nossa percepção do mundo e da música.

Pedro Esteves, do Observador, conversou com Kalaf, um dos fundadores dos Buraka e percebeu que o cansaço se instalou obrigando a uma pausa. Pausa que não significa o fim. Será, sem dúvida, o fim de qualquer coisa e o começo de outra.

Tudo na nossa carreira aconteceu ‘na estrada’, sempre em andamento, nunca tivemos tempo para refletir. Precisas de espaço para amadurecer as ideias, para te (re)posicionares, por isso decidimos que o melhor seria parar, deixar a poeira assentar, identificar os nossos pontos fortes, ver o que é que podemos dar mais à cidade e a este movimento.
— Kalaf ao Observador
Vai ser um espetáculo para o nosso público, não nos vamos negar a tocar aquilo que as pessoas querem ouvir. Não estamos a promover nenhum disco, não estamos a lançar nenhum produto, estamos só a tocar música e é maravilhoso estar nessa posição.
— Kalaf ao Observador
#EAT: Ground Burger

#EAT: Ground Burger

Madrugada

Madrugada