Paula_C.jpg

olá.

bem vindos ao urbanista, um magazine de estilo e tendências urbanas.

Don't be silly... Todos querem ser como nós...

Don't be silly... Todos querem ser como nós...

Dez anos depois e continua a ser um dos exemplos cliché do romantismo de Hollywood em que tudo acaba (sempre) bem. A vida não é assim, todos sabemos,mas gostamos de pensar que poderia ser (apenas) um bocadinho assim. No caso, há vários "bocadinhos" em jogo: o patinho feio que se transforma num maravilhoso cisne sem perder a sua identidade, o dream job do qual abdica em função do seu verdadeiro sonho. Cenários e personagens recheadas de glamour e superficialidade que o patinho feio ensina a serem mais verdadeiras e menos interesseiras, uma chefia aparentemente terrível mas que, na realidade, é apenas uma mulher como nós. Um processo de crescimento individual que faz desta, uma história igual a tantas outras que conhecemos do mundo real, com a lente de Hollywood que torna tudo mais bonito, não fosse este um mundo paralelo onde tudo parece que acontece sem que, na realidade, esteja a acontecer. Poderia ser assim. Quase assim. Por isso, dez anos depois, continua a fazer-nos sonhar. Só por isso, já vale a pena...

Obrigada Sofia Venâncio pelo envio da notícia e pelo prazer em recordar o filme Devil Wears Prada! A Variety conta tudo: como começou, os actores, as filmagens, o orçamento e suas limitações... 

Ser roubada e ainda gostar

Ser roubada e ainda gostar

Cv? A história de uma vida

Cv? A história de uma vida