summer

Endless Summer 💙

image.jpg

Algures, numa praia, um menino dá à costa enquanto, aqui, nos dividimos entre o que queremos e o que tem de ser. Entre os que nos pedem e o que nos exigem, com a culpa de não aproveitar cada minuto e cada instante, como se não houvesse amanhã. Porque o que aconteceu ali, pode muito bem acontecer aqui...

Mesmo que pensemos sempre que não...

Estas são pequenas estórias daqueles dias que não são uma coisa nem outra. Que trabalhamos com uma mãozinha que nos puxa a camisola para brincar, que usamos e abusamos do telefone para escapar ao computador. Que somos mães, que queremos ser apenas mães e gozar o tempo com eles, aqueles dias em que ainda não há escola e, alguém do outro lado, os pergunta porque razão o relatório ainda não está pronto... 

Ser mãe não é apenas isto, mas é muito isto. Não conheço académicos ou freelancers que partilhem estados semelhantes. Talvez não partilhem. Talvez seja apenas isso e estejam, também, entre uma coisa e outra sem serem nenhuma de verdade.  São sempre elas. Talvez porque elas gostem mais de falar. De se expressar.

Porque quando a atenção se dispersa, não estamos - não somos - nem uma coisa nem outra, com toda a ansiedade e más vibrações que isso acarreta. E, tudo o que queremos, é apenas o melhor de dois mundos...

 #workingmom #summertimebyurbanista #love 

Cuttoffs. Or should I say bug off?...

O tema não é novo, nem o artigo da Vogue foi publicado agora,  mas não consigo deixar de me indignar, novamente, quando, subitamente, me apareceu no mural. 

Começa assim: 

"I’ve always wanted to be the kind of girl who can wear denim cutoffs during the summer".

Pois eu cá sou das que os usa no Verão. Porque acho que no limite do bom senso, do bom aspecto ou, vá, da decência, cabe a cada uma de nós decidir o que usar. Não falo, naturalmente, dos calções que deixam a bimba de fora, ou dos que mostram tanta pele que os filhos se possam envergonhar da sua mãe. Já vi isso na rua e senti vergonha alheia. Mas também é verdade que as  mulheres têm pernas e não devem ter vergonha de as mostrar. Sendo que mostrar não é exibir.

Só tenho um par de calções de ganga, comprados há uns anos na H&M. São boyfriend. Folgados q.b. a ponto de os usar na praia e ficarem no limite da anca, onde começa a curva do fato de banho. Em ambiente de praia são perfeitos. Na cidade, também. Com sandálias, sneakers, botins ou flipflops, não choco ninguém. Estou fresca. Confortável. Casual. Com uma blusa, um cinto e umas sandálias podemos atingir o casual chic. Com botins e o top certo entramos no boho chic. Com uns chucks e uma tshirt enfrentamos o mundo. Com uma túnica de linho e uns flipflops de cabedal somos Verão. E o Verão é isso: a simplicidade que desvenda um bocadinho do nosso corpo. Tenhamos pernas para acompanhar e a idade é um mero pormenor....